domingo, 21 de julho de 2024
Meio Ambiente
12/06/2024 | 15:20

Univali vai integrar Pacto Mundial de Jovens pelo Clima no Brasil

A Universidade do Vale do Itajaí (Univali) firmou parceria com a Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais - Instituto Edgar Morin - de Paris, na França, para integrar o Pacto Mundial de Jovens pelo Clima no Brasil. O projeto integra o Global Youth Climate Pact (GYCP), iniciativa internacional em defesa do meio ambiente ligada à Organização das Nações Unidas (ONU).
 
A parceria será conduzida pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Univali (PPGE), sob coordenação da professora Bruna Siqueira Santos, e apoio da Secretaria do Meio Ambiente e Economia Verde de Santa Catarina. O projeto visa promover espaços para o desenvolvimento de ações relacionadas aos desafios das mudanças e das emergências climáticas no mundo. A proposta é levar o debate aos alunos do Ensino Médio das escolas de Santa Catarina por meio de oficinas temáticas. 
 
“O projeto aposta no jovem como importante ator social no presente e protagonista no futuro e tem o objetivo de mediar novos conhecimentos sobre justiça climática, biodiversidade e o impacto das ações cotidianas no meio ambiente. O programa surgiu em 2014, por ocasião da COP21, e tem atuação em mais de 35 países. No Brasil, desde 2015, promove ações para colocar os jovens no centro do debate sobre clima e meio ambiente”, explica a coordenadora do PPGE, professora Verônica Gesser. 
 
Para formalizar a parceria, a Univali recebeu esta semana o coordenador global do GYCP, professor Alfredo Pena-Veja, e o secretário do Meio Ambiente e Economia Verde de Santa Catarina, Guilherme Dallacosta. 
 
Alfredo Pena-Veja destaca que a Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2025 (COP30), em Belém do Pará, será uma grande oportunidade para incentivar a educação ambiental entre os jovens brasileiros. “São os jovens de hoje que vão enfrentar os graves problemas que vão acontecer daqui a 20 anos. Nossa intenção com esse programa é, ao menos, deixar um caminho para que seja mais fácil enfrentar e vencer as grandes crises. A escolha do município de Itajaí para coordenar o projeto em Santa Catarina se deu pela parceria institucional com o Programa de Pós-Graduação em Educação da Univali”, comenta o professor. 
 
O projeto abrange as áreas de climatologia, biodiversidade, abordagem socioambiental e antropologia da natureza. A Univali irá promover palestras, grupos focais e workshops, além de desenvolver trabalhos científicos sobre o desenvolvimento do projeto. As atividades irão iniciar em locais de alta vulnerabilidade climática, econômica e social e vão envolver alunos e professores das escolas, além de pesquisadores da Universidade. 
 
“Estamos muito entusiasmados com a perspectiva de promover ações de incentivo à educação ambiental e, assim, permitir que mais jovens possam ter acesso a informações que poderão convergir em ações concretas para serem implementadas em nosso estado. A ação é pioneira em Santa Catarina e seremos um dos cinco estados do Brasil a integrar o projeto com o apoio de pesquisadores de outras instituições do país”, complementa o reitor, professor Valdir Cechinel Filho. 
 

JORNAL IMPRESSO
19/07/2024
12/07/2024
05/07/2024
28/06/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS