terça, 28 de maio de 2024
Geral
11/03/2024 | 14:59

Expomar em Itajaí/SC será vitrine da Pesca e Aquicultura brasileira

Maior polo pesqueiro industrial do Brasil, Itajaí recebe a segunda edição da ExpoMAR, de 09 a 11 de julho, no Centreventos Luiz Henrique da Silveira, em Itajaí- SC. O evento reúne Congresso Internacional da Pesca, Seminário de Maricultura, Simpósio Catarinense de Piscicultura, Feira de Negócios, Corredor do Sabor e Cozinha Show. O credenciamento é gratuito mediante inscrição no site: https://expomar.com.br/inscricao.
Os números expressivos da primeira edição – cerca de 2.500 inscritos, mais de 50 empresas expositoras, 18 horas de conteúdo e 55 palestrantes nacionais e internacionais– sinalizam que a ExpoMAR 2024 será ainda maior. Entre as principais novidades está a inclusão da piscicultura no eixo do evento, que ganhará um dia a mais de programação para englobar o setor, além da ampliação da área da feira em 40% e a aposta na gastronomia para apresentar a diversidade da produção pesqueira catarinense. Nesta segunda edição o foco é o incentivo ao aumento do consumo, com o lançamento da Semana do Pescado 2024 e ações focadas em preparo que mostrem a versatilidade e as opções saudáveis e nutritivas a base de pescados. O consumo brasileiro é de aproximadamente 10k/hab ano, mas a projeção mundial é de dobrar esse consumo 
A cidade de Itajaí, localizada no litoral norte de Santa Catarina,  responde por 55% do mercado nacional da pesca e abriga aproximadamente 500 embarcações de pesca industrial, cerca de 40 indústrias de pescados congelados e a maior enlatadora da América Latina. Além da pesca, o estado também é destaque nacional na produção.
 “Santa Catarina é o quintoo maior produtor de peixes cultivados do Brasil, com mais de 56.100  toneladas e um amplo mercado a ser explorado. Com a inclusão do segmento da piscicultura na ExpoMAR, vamos ampliar a pauta da programação e atrair também a cadeia de suprimentos, nutrição, sanidade, biossegurança, genética, entre outros. Fornecedores de tecnologias para o setor, como aeradores, tanque-rede e alimentadores automáticos, vão estrear na Feira de Negócios, trazendo soluções inovadoras para tornar a produção mais eficiente e sustentável”, aponta o ex-ministro da pesca e presidente da ExpoMAR, Altemir Gregolin. 
O objetivo da ExpoMAR é conectar todos os elos da cadeia produtiva da pesca, maricultura e piscicultura – empresas, governo, entidades, indústria, pescadores artesanais, armadores, maricultores, produtores de algas e academia–  para discutirem juntos pautas de conjuntura e estratégia, tendências e perspectivas relacionadas ao mercado, modelos de desenvolvimento, comércio, tecnologias e temas técnicos. 
Das águas à mesa
A Feira de Negócios apresentará as novas tecnologias disponíveis no mercado da pesca, maricultura, piscicultura e logística, com a participação dos principais players, fornecedores da cadeia de suprimentos, prestadores de serviços,  indústria (da produção ao processamento) e empresas de tecnologias.
Além da geração de negócios, o espaço oportuniza network com tomadores de decisão e atualização das inovações dos setores.
Paralelo ao Congresso e à Feira de Negócios, haverá ainda duas atrações ligadas à gastronomia, que prometem atrair o público externo e também a rede varejista: a ‘Cozinha Show’, que trará chefs para mostrarem como explorar a diversidade de frutos do mar da costa catarinense, e o ‘Corredor do Sabor’, com exposição e venda de produtos de empresas que produzem e processam pescados. 
“Este ano o evento incorpora o varejo de bairro e food service, passando a gerar negócios também na ponta, mantendo-se como uma grande vitrine de toda a riqueza produzida pela pesca catarinense”, explica a CEO da ExpoMAR, Eliana Panty.
Para fechar a programação será servida “a maior paella do Brasil”, conforme adianta Agnaldo Hilton dos Santos, presidente do SINDIPI. O tradicional prato espanhol com frutos do mar será preparado no encerramento do evento, no dia 11 de julho. 
Realização e apoio
O evento é promovido pelo IFC Brasil – International Fish Congress & Fish Expo Brasil com a correalização  do SINDIPI - Sindicato dos Armadores e das Indústrias da Pesca de Itajaí e Regiãom Univali - Universidade do Vale do Itajaí com o apoio da Prefeitura Municipal de Itajaí-SC e da Fundep - Fundação Universidade Empresa de Tecnologia.
Entidades como ACAC – Associação Catarinense de Aquicultura, ABIPESCA, PEIXE BR e CONEPE são apoiadoras da realização do evento.

JORNAL IMPRESSO
24/05/2024
17/05/2024
10/05/2024
03/05/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS