quinta, 30 de maio de 2024
Geral
19/02/2024 | 17:55

Representantes do governo dos Emirados Árabes demonstram interesse em investir na infraestrutura de SC

Foto: Nathan Neumann / SECOM
 
Nesta segunda-feira, 19, durante reunião da comitiva catarinense no Ministério do Comércio dos Emirados Árabes Unidos, em Dubai, o ministro Thani Zeyoud demonstrou interesse em investir no setor de infraestrutura do estado de Santa Catarina. Essa foi a primeira reunião da missão internacional catarinense aos Emirados Árabes, liderada pelo governador Jorginho Mello.
 
O governador apresentou pontos de interesse do Estado para parcerias estratégicas e colocou o governo à disposição para firmar acordos com o país árabe. As principais áreas apresentadas são investimentos nos portos de SC e, em especial, na ampliação da malha estadual de ferrovias.
 
“A reunião foi muito produtiva e estou confiante. O ministro se demonstrou bastante interessado, fazendo várias perguntas. Apontei a ele a necessidade da parceria com os Emirados para investimentos na área de infraestrutura. Falei da necessidade de investirmos nos projetos de ferrovias para o transporte de cargas do Oeste aos portos”, explicou o governador.
 
O ministro afirmou que está sendo planejada uma agenda para conhecer as oportunidades de investimento. Uma comitiva dos Emirados Árabes deve vir ao estado de Santa Catarina no mês de novembro.
 
Participaram ainda da reunião o presidente da Assembleia Legislativa, Mauro de Nadal, os secretários de Articulação Internacional, Juliano Froehner, da Fazenda, Cleverson Siewert, o deputado Antidio Lunelli, o diretor do GT de Internacionalização da Acate, Lisandro Vieira, e representantes da embaixada brasileira nos Emirados Árabes.
 
“A reunião foi muito positiva. Apresentamos nosso estado e reforçamos o nosso interesse em futuras parcerias principalmente na área da infraestrutura. Ou seja, abrimos as letras de Santa Catarina para os bons investimentos, o que é bom para toda a nossa população”, afirmou De Nadal.
 
Reunião na Câmara Árabe-Brasileira
 
O grupo também se reuniu com o diretor da Câmara Árabe-Brasileira, Rafael Solimeo, com o objetivo de potencializar a promoção de Santa Catarina nos Emirados Árabes Unidos. Além disso, futuras oportunidades de investimentos igualmente foram foco do encontro. A Câmara representa 22 países da região.
 
O diretor elogiou a apresentação da comitiva catarinense, e salientou que os Emirados Árabes são um excelente ponto de partida também para outros países da região por causa da localização e estrutura.
 
A comitiva
 
Presente na comitiva, o deputado estadual Antídio Lunelli (MDB) ressaltou que “Esta é uma excelente oportunidade para se observar e prospectar negócios e investimentos para Santa Catarina, em diferentes setores, e por isso, as expectativas são muito altas.”
 
Também integram o grupo o presidente da Federação das Indústrias do Estado de SC (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar, e da Associação Catarinenses das Fundações Educacionais (Acafe), Luciane Ceretta.
 
Emirado de Dubai
 
Dubai é a capital do emirado de Dubai nos Emirados Árabes Unidos (EAU). É uma cidade dinâmica conhecida por seus arranha-céus, portos, praias e setores empresariais e turísticos vibrantes. Dubai tem uma população diversificada devido à sua grande comunidade de expatriados e é caracterizada pela tolerância e diversidade religiosa, com o Islã como religião majoritária, mas também lar de várias outras fés.
 
A paisagem da cidade inclui ilhas artificiais como a Palm Jumeirah e as ilhas “Mundo”, que contribuíram para sua indústria turística em crescimento. O Dubai Creek, um canal natural, desempenhou um papel significativo na história inicial da cidade, e edifícios mais antigos podem ser encontrados ao longo de suas margens.
 
A economia do Dubai é baseada no comércio, com dois importantes portos e um movimentado hub internacional de carga aérea. Também abriga zonas de livre comércio que atraem investimentos estrangeiros. O turismo é um foco importante, com resorts e atrações grandiosas. O setor imobiliário tem sido fundamental, permitindo que investidores estrangeiros comprem propriedades com arrendamentos longos.
 
A história de Dubai remonta a uma pequena vila de pescadores no século XVIII. Rapidamente se desenvolveu em um centro de mergulho em busca de pérolas e comércio devido às políticas favoráveis aos negócios e à localização estratégica. A riqueza do petróleo na segunda metade do século XX financiou importantes projetos de infraestrutura, levando à sua modernização. A cidade diversificou sua economia na década de 1990, focando no turismo, imobiliário e finanças, atraindo expatriados qualificados de todo o mundo e tornando-se uma metrópole cosmopolita e liberal na região.
 
Texto: Nathan Neumann, diretor de imprensa do Governo de Santa Catarina
 
Fonte: Governo SC

JORNAL IMPRESSO
24/05/2024
17/05/2024
10/05/2024
03/05/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS