quarta, 28 de fevereiro de 2024
Geral
17/10/2023 | 21:59

Com 149 municípios afetados pelas chuvas, Defesa Civil alerta para risco muito alto de deslizamentos em algumas regiões de SC

Foto Ricardo Wolffenbüttel / SECOM
 
Santa Catarina tem 149 municípios com registro de ocorrências em função das chuvas, desde o dia 4 de outubro. Até o momento, 133 municípios estão em situação de emergência e as cidades de Rio do Sul e Taió em estado de calamidade pública. O novo relatório da Defesa Civil divulgado às 18h desta terça-feira, 17, também destaca mapas de monitoramento meteorológico que apontam volumes de chuvas acima do esperado na primeira quinzena de outubro; as condições geológicas no estado, com regiões com risco muito alto para deslizamentos devido ao solo encharcado pelo acumulado de chuva; e um aviso hidrológico com previsão de inundação dos rios Uruguai e Chapecó.
 
As equipes do Governo do Estado seguem prestando auxílio aos atingidos. Atuam equipes municipais da Defesa Civil, com o apoio do Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar, Assistência Social e demais estruturas do Governo do Estado além de contar com o apoio de órgãos federais como a Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e Polícia Rodoviária Federal. Até o momento o Governo do Estado enviou 92.324 itens de assistência humanitária para 26 municípios.
 
Mapa geológico aponta risco muito alto para deslizamentos em algumas regiões
 
As condições de chuvas volumosas e intensas entre a segunda-feira, 16 e terça-feira, 17, associadas aos acumulados elevados de chuva na última semana, trazem risco alto a muito alto para ocorrências associadas a deslizamentos, queda de blocos e fluxos de detritos.
 
Risco ALTO para deslizamentos: Regiões do Oeste e Meio Oeste principalmente áreas em divisa com o Rio Grande do Sul e todo litoral de Santa Catarina e parte da Grande Florianópolis. 
 
Risco MUITO ALTO para deslizamentos: Municípios do Planalto Norte, Alto e Médio Vale do Itajaí e Planalto Sul.
 
Já foram registradas ocorrências de deslizamentos em todas regiões de Santa Catarina, por isso, cabe destacar que as movimentações podem se desencadear mesmo em períodos sem a presença de chuva. Devido ao solo já encharcado e a diminuição dos níveis de água, o solo busca estabilidade podendo haver movimentações tardias.
 
A Defesa Civil reforça para a população ficar atenta a sinais de deslizamentos de terra:
 
Se há inclinação de cercas, muros, postes e árvores;
Aparecimento de água e protuberâncias na base da encosta;
Sons incomuns, como árvores quebrando e estalos na encosta
Rachaduras ou fendas em encostas;
Rachaduras novas nas paredes;
Portas ou janelas empenarem ou emperrarem de repente;
Muros e paredes estufadas;
Estalos;
Águas mais barrentas que o normal.
 
Aviso hidrológico
O relatório da Defesa Civil destaca ainda um aviso hidrológico de risco de inundação dos rios Uruguai e Chapecó. As chuvas ocorridas entre a segunda e esta terça-feira em toda a região Oeste de Santa Catarina e Norte do Rio Grande do Sul, fizeram com que o nível do rio Uruguai e seus afluentes aumentassem rapidamente. Essa elevação associada à previsão de chuva ao longo desta terça, traz risco muito alto para as inundações, podendo atingir os municípios de Itapiranga, Águas de Chapecó, Palmitos, São Carlos, Caibi e Mondaí. 
 
Nas últimas 24 horas foram registrados em média acumulados de chuva superiores a 90mm nas áreas de contribuição das Bacias Hidrográficas dos Rios Uruguai e Chapecó, com pontuais que superaram isso, como em Chapecó que registrou 144mm. 
 
Operação das barragens
Dia 17/10/2023 Leitura: 16hrs – Fonte: Régua ANA -Níveis CIDADES
 
Barragem Sul (Ituporanga/SC )
Montante: 32,11 m IBGE: 402,11 m
Jusante: 3,20 m
Lâmina vertedouro 1,11 m
Comportas abertas: 0
Comportas fechadas: 5
Canal extravasor: Fechado.
Lâmina d’água C.E.: 0,0 cm
Tempo: Nublado.
Pluviometria: 0,0 mm
Reservatório: 111,26%
Barragem Oeste (Taió/SC)
Montante: 24,52 m IBGE: 363,52 m
Jusante: m
Lâmina vertedouro. 1,22 m
Comportas Abertas: 0
Comportas fechadas: 7
Canal extravasor: Fechado.
Lâmina d’água C.E.: 0,0cm
Tempo: Nublado.
Pluviometria: 0,0 mm
Reservatório: 111,48%
Barragem Norte (José Boiteux)
Montante: 43,15 m – IBGE: 298,15 m
Comportas abertas: 1
Comportas fechadas: 1
Tempo: Nublado.
*Pluviometria: 0,0 mm
Reservatório: 86,01 %
 
Nível dos rios: CIDADES- Referente às 15h
Taió: (Sdc local 16 hrs) 8,91 m
Ituporanga: (sdc local 16hs)1,70 m
Rio do Sul: (Sdc local 16 hrs) 8,83 m
Blumenau: 6,88 m (15hrs)
 
Monitoramento meteorológico
 
Na tarde desta terça-feira, as condições para temporais isolados e chuva mais persistente foram observados no Grande Oeste, porém de maneira menos intensa do que pela manhã e madrugada anterior. Os acumulados nas últimas 24 horas estão entre 110 a 150 mm, principalmente no Oeste e Extremo-Oeste do Estado. No centro-leste de SC, tempo encoberto com chuva mais fraca, com acumulados não passando de 15mm nas últimas 6 horas. Para a noite, retornam as condições para temporais isolados em Santa Catarina, principalmente para a área entre o Grande Oeste e Planalto Norte. Do Centro ao Leste do estado, a virada do vento para o quadrante Sul, diminui a instabilidade e favorece um maior declínio das temperaturas.
 
Fonte: Governo SC

JORNAL IMPRESSO
23/02/2024
16/02/2024
09/02/2024
02/02/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS