quarta, 22 de maio de 2024
Geral
13/03/2023 | 10:23

BC: Município intensifica ações contra a dengue após aumento no número de casos

O clima quente e úmido registrado no fim da Temporada de Verão contribuiu para o aumento de focos do mosquito Aedes aegypti em todo o estado e, consequentemente, para o aumento de casos de dengue no Município. Em razão disso, a Secretaria de Saúde, por meio da Vigilância Ambiental, orienta sobre os cuidados a serem tomados pelo cidadão e intensifica ações para minimizar este impacto.
 
Entre as atitudes tomadas pela Vigilância, estão: o fumacê, técnica que consiste em borrifar inseticida pela vizinhança dos locais onde houve confirmação de um ou mais casos; e as inspeções feitas pelos agentes de saúde, que passam de casa em casa verificando calhas, vasos de plantas, piscinas e outros locais onde possa haver o acúmulo de água parada. No último sábado (11), os agentes de combate as endemias fizeram rondas pelo município.
 
De acordo com os números do Departamento, Balneário Camboriú apresentou 382 focos do mosquito. Quanto ao número de casos, há 22 registrados, sendo 13 autóctones, dois importados e outros sete indeterminados. No sábado (18), um mutirão encabeçado pela Vigilância Ambiental está marcado para ocorrer no Bairro dos Municípios, considerado um dos mais afetados pelo número de focos.
 
“A responsabilidade para que haja a diminuição dos focos é de cada um de nós. Entre os locais com maior ocorrência de focos, estão os pratinhos de plantas com água, ralos mal cuidados, e potes jogados no quintal de casa. Precisamos da ajuda de toda a comunidade para eliminar os criadouros e, com isso, diminuir a incidência do mosquito transmissor”, ressalta a diretora do Departamento, Veridiane Barbosa da Silva.
 
Em caso de sintomas como dor de cabeça, dor atrás dos olhos, febre, náuseas ou vômito, é recomendado procurar a Unidade de Saúde mais próxima para o atendimento médico. Para denunciar locais com suspeita de proliferação do mosquito, o morador deve entrar em contato com a Ouvidoria Municipal através dos seguintes telefones: (47) 3267-7024 e (47) 9 9982-1979 ou no 0800 644 3388.
 
Em caso de dúvidas, procurar o Setor da Dengue para orientações pelo número (47) 3261-6264 ou presencialmente, na Rua 1500, n°1100 - anexo à Unidade de Saúde Central.

JORNAL IMPRESSO
17/05/2024
10/05/2024
03/05/2024
26/04/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS