quinta, 02 de fevereiro de 2023
Saúde
08/09/2022 | 11:01

Hospital Marieta realiza procedimento inédito de ablação térmica com radiofrequência em paciente renal com tumor inoperável

           O Hospital Marieta realizou, no último sábado (3/9), um procedimento inédito na instituição e raro no país, minimamente invasivo e altamente eficaz na cura de um câncer. A radioablação é um procedimento muito menos invasivo que uma cirurgia tradicional, em que o médico se orienta por imagem. “Usamos a tomografia computadorizada e a ultrassonagrafia juntas, via percutânea, para chegarmos até a lesão, e ao introduzirmos a agulha no tumor, começamos a ter uma condução térmica em uma temperatura adequada para promover a morte celular, das células doentes, tentando poupar o máximo de tecido viável, para que haja a cura sem perda de função renal”, explica o Dr. Wagner Peitl Miller, médico especialista em radiologia e diagnóstico por imagem, com atuação em radiointervenção do Hospital Marieta.
O procedimento é raro. Em dois anos, apenas 10 foram realizados em todo o estado e é muito importante para pacientes com comorbidades ou idade avançada, pois os médicos conseguem tratar o tumor, sem as complicações de uma cirurgia convencional. O procedimento em um tumor no rim é inédito no Hospital Marieta e também na região do Vale do Itajaí. “É um procedimento menos invasivo, normalmente, fazemos em um dia, e no outro o paciente já ganha alta, a recuperação clínica é muito mais rápida que um procedimento tradicional”, diz Miller.
Neste caso, o paciente tem 80 anos e já havia sido submetido a procedimento cirúrgico sem sucesso na retirada do tumor. Agora, com a radioablação foi possível oferecer o tratamento em uma lesão intratável por outros métodos.

JORNAL IMPRESSO
27/01/2023
20/01/2023
23/12/2022
16/12/2022

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS