domingo, 03 de março de 2024
Pandemia
04/03/2021 | 10:07

Fucam lança campanha de descarte consciente de máscaras

A pandemia da Covid-19, além do vírus trouxe outros problemas. A estimativa da Sociedade Americana de Química é que mensalmente sejam jogadas, no lixo, 129 bilhões de máscaras e 65 bilhões de luvas em todo o planeta. Essas máscaras não podem ser recicladas e vão parar no lixo comum. Preocupados com isso a Fundação do Meio Ambiente (Fucam) lança uma campanha sobre o descarte correto das máscaras e luvas.
Com o tema: “Proteja a natureza da máscara que te protege”, campanha visa sensibilizar, por meio de cartazes, sobre o perigo que os elásticos, ou alças, das máscaras oferecem aos animais. O descarte correto evita que os animais soltos na natureza possam se machucar. “Pequenos animais e aves estão sendo encontrados com máscaras enroladas nos pés e bicos”, lamenta o presidente da Fucam, Valmor Dalago. Os cartazes serão distribuídos em pontos com grande circulação de pessoas como, escolas Centros de Educação Infantil, prédios públicos e outros.
De acordo com Valmor o intuito é levar informação. “Com a campanha de sensibilização proposta queremos evitar que a nossa proteção individual contra à Covid-19, luvas e máscaras descartáveis, cause a morte de animais de várias espécies em nossa cidade. Cada um tem que fazer a sua parte”, conclui.

Como fazer o descarte correto?
Recicle e reutilize tanto quanto possível – o que não for possível descarte de forma adequada.
Corte as alças das máscaras antes de jogar no lixo;
Para evitar a contaminação de coletores de lixo e de outras pessoas coloque a máscara, sem as alças, num saco plástico;
Corte luvas descartáveis para evitar que os animais fiquem enroscados.
Tiras ou alças de elástico, embora aparentemente inofensivas, podem ficar enroscadas em pequenos animais e bicos de pássaros


JORNAL IMPRESSO
01/03/2024
23/02/2024
16/02/2024
09/02/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS