sábado, 19 de junho de 2021
Geral
19/03/2012 | 09:56

Barcos da Volvo Ocean Race largam para Itajaí

Os GPS dos seis veleiros que disputam a Volvo Ocean Race já apontam Itajaí como próximo destino após a partida de Auckland, na Nova Zelândia, neste domingo (18). Faltam menos de 12.100 km para chegar ao litoral catarinense, mas antes a flotilha terá de enfrentar 20 dias de frio e ventos fortes nos mares do sul e cruzar o temido Cabo Horn, um dos pontos mais perigosos do mundo.

Na liderança parcial está o Camper com 10 milhas náuticas de vantagem para o Puma. Na sequência aparecem Telefónica, do brasileiro Joca Signorini, Groupama e Sanya. Todos enfrentam neste momento o sistema de baixa pressão e a maioria das equipes conserva a rota pelo norte para evitar a força das tempestades.

"Teremos uma noite longa e difícil pela frente. Todo o início de perna desta edição foi com essas condições adversas. Mesmo assim, nosso time largou bem e esperamos liderar de ponta a ponta", relata o navegador do Camper, Will Oxley.

Neste domingo, o Abu Dhabi foi obrigado a voltar para a cidade neozelandesa com problema no barco. O Azzam velejou apenas cinco horas, mas uma antepara, que garante a segurança da vela de proa com tempo ruim, se danificou. O comandante Ian Walker lembra que a mudança se faz necessária, já que o acessório será usado em 80% da travessia pelo Oceano Antártico.

"Tomamos a decisão de voltar, porque estávamos a apenas 40 km de Auckland. Agora é regressar à corrida e tentar correr contra o tempo", explica o líder. O Abu Dhabi, pela segunda vez, é obrigado a voltar a um porto. Na estreia, em outubro de 2011, os árabes foram para Alicante com problemas no mastro e tiveram a corrida prejudicada.

Classificação da Volvo Ocean Race - após quatro pernas:
1º - Telefónica - 122 pontos
2º - Groupama - 107 pontos
3º - Camper - 104 pontos
4º - Puma - 83 pontos
5º - Abu Dhabi - 55 pontos
6º - Sanya - 25 pontos

Que venha Itajaí

O prefeito de Itajaí recebeu das mãos do representante de Auckland, Len Brown, a ‘Chave da Volvo Ocean Race’ pouco antes dos barcos partirem. Jandir Bellini estava acompanhado do secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Paulo Bornhausen. A cidade catarinense está pronta para receber a Fórmula 1 dos mares. A Vila da Regata será aberta no dia 4 e a programação inclui shows, clinicas de vela, ações de sustentabilidade e todos os atrativos que o maior evento náutico do mundo apresenta.

Um dos destaques é o projeto de sustentabilidade, que terá seis meses de duração e atingirá 1.162.209 milhão de habitantes em 30 municípios. A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável realizará uma série de ações em parceira com instituições públicas e privadas da região antes e durante a Volvo Ocean Race, além de dispor de um estande na área do evento. A ação "Juntos pelo Rio" unirá estudantes, empresários, universidade e poder público para a limpeza das margens do Rio Itajaí, no sábado (24). A pasta apoiará também o programa da Volvo Ocean Race "Mantenha os Oceanos Limpos", pelo qual serão realizados mutirões de limpeza nas praias de Itajaí.


JORNAL IMPRESSO
18/06/2021
11/06/2021
04/06/2021
28/05/2021

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS