segunda, 28 de setembro de 2020
06/08/2020 - 16:54

Município de Itajaí amplia monitoramento de pacientes com COVID-19

Casos negativos sintomáticos também serão acompanhados pela equipe de profissionais de saúde

A Secretaria de Saúde de Itajaí, por meio da Vigilância Epidemiológica, ampliou o monitoramento dos pacientes com COVID-19. Desde terça-feira (4) uma equipe com cerca de 30 profissionais de saúde começou a acompanhar os pacientes positivos e também casos sintomáticos que tiveram resultado negativo no exame de coronavírus. O objetivo é evitar o agravamento do quadro clínico destes pacientes, antecipando o atendimento, caso necessário.

Além de acompanhar os pacientes positivos e negativos sintomáticos por telefone, a central de monitoramento realiza visitas domiciliares. Os pacientes com sintomas moderados a graves são identificados por meio de teleconsulta e recebem uma visita da equipe multiprofissional para avaliação, quando necessário.

?A intenção desta central de monitoramento é ampliar o trabalho já realizado pela Vigilância Epidemiológica, evitando que os pacientes positivos tenham seu quadro de saúde agravado e necessitem de internação hospitalar?, explica a diretora da Vigilância Epidemiológica de Itajaí, Suzany Olibone.

Com a medida, o Município espera antecipar o atendimento de pacientes graves, monitorando caso a caso e evitando novas mortes em decorrência da COVID-19. Nesta quarta-feira (5), por exemplo, os profissionais realizaram visita domiciliar a um paciente que precisou ser encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para avaliação médica.

A equipe multiprofissional da central de monitoramento é composta por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e estudantes em fase de conclusão do curso de Medicina. A frequência do monitoramento e do agendamento das visitas domiciliares será proposta após avaliação de cada caso pelos profissionais. Os casos também poderão ser referenciados para a Atenção Básica.

Além do acompanhamento dos sinais e sintomas, a central também está reforçando as orientações sobre a COVID-19 para todos os pacientes monitorados. Entre elas: a importância do isolamento e distanciamento social, higiene adequada, uso de máscara e serviços de saúde que podem ser buscados em caso de piora dos sintomas, entre outras informações.

Monitoramento de idosos

A Secretaria de Saúde iniciou também o monitoramento de idosos acima de 60 anos, com ou sem doenças crônicas. Profissionais vão ligar para estes pacientes para verificar seu estado de saúde, prestar orientações e, se necessário, encaminhar ao serviço mais próximo, como Unidades Básicas de Saúde ou UPAs. 

anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros