quarta, 30 de setembro de 2020
11/12/2019 - 10:46

Produção industrial catarinense acumula alta de 2,6% no ano

Fabricação de equipamentos elétricos, veículos e produtos alimentícios foram os que mais cresceram em 2019

A produção industrial de Santa Catarina cresceu 2,6% em 2019, com aumento na produção em 10 dos 13 setores pesquisados. Mesmo com a alta, o Estado não conseguiu acompanhar o ritmo do primeiro semestre, quando o crescimento da indústria registrava 4,7%. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Entre os setores que ajudaram a alavancar a produção industrial do Estado neste ano estão a fabricação de máquinas, materiais e aparelhos elétricos, com alta de 15,5%, de veículos (5,9%) e de produtos alimentícios (5,2%). Por outro lado a queda na produção da indústria têxtil (-2%) e na confecção de vestuários e acessórios (-1%) impediu que a alta fosse maior.

Em outubro a produção industrial de Santa Catarina caiu 1,6%, impulsionado pela queda na indústria de metalurgia (-15,2%) e na confecção de vestuários e acessórios (-8,6%). Em compensação, a fabricação de máquinas, materiais e aparelhos elétricos (9,1%), a fabricação de produtos alimentícios (5,2%) e a indústria têxtil (4,1%) registraram um bom resultado no mês.


 

Brasil

Se em Santa Catarina a indústria acumula crescimento em 2019, no Brasil o cenário é de retração. No ano o segmento caiu 1,1%, impulsionado pela queda da indústria extrativista (-9,5%), de fármacos (-2,5%), da produção de têxteis (-1,7%), e da metalurgia (-1,6%). Na contramão estão os produtos de metal (+5,4%), fabricação de bebidas (+3,5%), de veículos (+2,8%), e de alimentos (+1,6%).

Em outubro, no entanto, a indústria brasileira reagiu e cresceu 1%. Entre os setores que ajudaram a elevar o índice no período estão a fabricação de produtos alimentícios (+12,3%), de máquinas, aparelhos e materiais elétricos (+6,9%) e de produtos farmoquímicos e farmacêuticos (+5%). No mês, as principais quedas foram registrados na indústria extrativista (-7,3%), na fabricação de produtos em madeira (-7,1%) e na metalurgia (-8%).

 

anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros